Brincar para quê?

Brincar é, antes de tudo, um direito da criança.

Brincando, ela aprende a se expressar, a criar, a se relacionar com o outro e com o mundo que a cerca. Brincando, desenvolve naturalmente habilidades sociais como: a tolerância, a convivência em grupo, a solidariedade, a capacidade de negociação, o respeito às diferenças, entre outros. Enquanto brincam, as crianças adquirem os conceitos de valores, limites e responsabilidades.

Devemos sempre lembrar dos benefícios que a brincadeira traz no aspecto físico: possibilita seu desenvolvimento de forma global e amplia as habilidades motoras.

O ato de brincar é reconhecido como algo instintivo, exploratório e espontâneo.

O desenvolvimento que o brincar proporciona é para a vida toda!

Para quem se interessar por dicas de lazer para este final de semana, segue o link do Aliança pela Infância onde há uma longa programação de atividades que acontecerão no país. Aqui em São Paulo, vale como destaque a programação do SESC, Casa de Livros, Instituto Alana e Inspira – Educação e Arte.

http://aliancapelainfancia.org.br/agenda-semana-mundial-do…/

* Nas fotos, momentos de muita brincadeira dos alunos de Educação Infantil ao Ensino Fundamental 2. Veja mais em nosso perfil no Facebook.