As famílias e a preparação para o Fundamental 1 

21 de março de 2023 | Fundamental 1

É comum as famílias agirem como se o único aspecto importante da vida escolar, a partir do Ensino Fundamental, fosse o desempenho pedagógico. O Ensino Fundamental é muito mais do que isso. 

A educação é um processo que cada estudante percorre com seu próprio ritmo, incluindo a chegada até séries mais avançadas, a passagem ao fundamental 1 e o desenvolvimento individual. São diferentes velocidades, breves paradas, alguns saltos e vários marcos. Há marcos notáveis como o primeiro passo, a primeira palavra balbuciada, mas em geral são conquistas sutis.

Para cada um desses momentos, é preciso um olhar atento e uma distância cuidadosa, que seja pequena o suficiente a fim de possibilitar a observação e a intervenção, mas grande o suficiente para não sufocar ou atrapalhar o desenvolvimento. Assim também deve ser na passagem da Educação Infantil para o Ensino Fundamental 1, quando a criança amplia seus horizontes e passa a ter acesso a disciplinas formais, como matemática, ciências, línguas e outras.  

Em vez de colocar a atenção apenas nos conteúdos que estão sendo aprendidos, uma dica é a família observar o desenvolvimento das habilidades e da autonomia da criança, e ficar atenta às dificuldades para oferecer o apoio adequado. Outra é ajudar a criança a exercitar a reflexão sobre o que ela quer e o que deve fazer ou aprender para poder realizar esse desejo. 

 O que se espera para o Fundamental 1: 

  • – Aprendizado das linguagens formais, (leitura e escrita, números e símbolos matemáticos); 
  • – Maior compreensão de questões sociais, naturais, tecnológicas e artísticas; 
  • – Desenvolvimento de habilidades e competências que serão aprimoradas ao longo de toda a vida escolar; 
  • – Consolidação na formação de valores e atitudes. 

Criança de 6 anos 

Com a reestruturação do Ensino Fundamental em 2006, a criança ingressa nessa fase da vida escolar um ano mais nova, com 6 anos. Nessa etapa: 

Formam grupos de acordo com a idade, com base em interesses específicos ou na partilha de segredos; 

Raciocinam mais formalmente sobre causa e efeito e se interessam pelas Ciências e pela História; 

Gostam de jogos com símbolos e significados (rimas, anagramas, códigos, cifras etc.);  

Preocupam-se com processos de comunicação (querem ser compreendidas e levadas a sério); 

Sua independência fica mais evidente. Ela passa a fazer escolhas com mais frequência e a questionar a autoridade dos adultos; 

Elas estão cada vez mais atentas aos comportamentos dos outros. É fundamental que pais e mães não tenham um comportamento que não querem que seus filhos imitem; 

Exigem cada vez mais atenção, posse e aprovação. As frustrações são inevitáveis nessa fase; 

Aumenta a noção da realidade e o mundo de fantasia vai ficando para trás. 

Cuidados da família na chegada ao Fundamental 1

Diante de tantas mudanças e perspectivas, há muito o que as famílias podem fazer: 

Não nutrir tanta expectativa, ele ainda tem 6 anos. Mesmo em uma mudança de ciclo, há vários aspectos que lembrarão mais uma subida suave do que saltos. Um exemplo é uma expectativa exagerada quanto à aquisição da leitura; 

Estimular brincadeiras com regras mais claras. A criança gosta de brincar em grupo, a participação em jogos ajuda a compreender seu lugar no mundo; 

Encorajar o desenvolvimento da autonomia, mostrando satisfação com as (grandes ou pequenas) conquistas de seus filhos; 

Atribuir responsabilidades para a criança desempenhar pequenas tarefas: escolher a própria roupa, preparar o próprio lanche, arrumar o material escolar, de acordo com o horário, participar das tarefas da vida familiar, como na arrumação da mesa, por exemplo; 

Sempre é importante uma conversa com os educadores para uma avaliação mais acurada; 

Em resumo: 

– Estar atentos às mudanças, na maioria das vezes sutis; 

– Focar no desenvolvimento de habilidades; 

– Observar e interferir, mas deixar espaço para promover a autonomia da criança; 

– Conversar com educadores e trocar com outras famílias para uma compreensão mais acurada das crianças nessa fase. 

O Post não tem posts relacionados no momento

Receba notícias sobre a CEB. Inscreva-se

Entre em contato pelo WhatsAppÍcone do Whatsapp
Entre em contato pelo WhatsApp
Ícone do Whatsapp